Inhotim

30/12/2015 Nenhum comentário

O Instituto Inhotim é um local maravilhoso. Isso é tudo o que eu tenho a dizer. De acordo com o site oficial do museu, o local é singular e conta com "um dos mais relevantes acervos de arte contemporânea do mundo e uma coleção botânica que reúne espécies raras e de todos os continentes. "

Já de acordo com nossa querida Wikipédia o local pode ser considerado o maior centro de arte ao ar livre da América Latina. Está localizado na cidade de Brumadinho, uma cidade que fica a 60km de Belo Horizonte (Minas Gerais)

Partindo de BH a viagem demorou uma hora e meia mais ou menos. Chegamos e estacionamos o carro em um estacionamento ENORME! Quando chegamos estava quase vazio, mas quando estávamos saindo tinha até ônibus por lá!! O estacionamento estava completamente cheio.

Tinha muitos gringos por lá, pelos menos eu vi bastante. Toda vez que eu ouvia alguém falando uma língua diferente eu ficava com vontade de ir perguntar de onde era, mas eu não tive coragem :(

Agora vamos às fotos. A maioria são dos jardins e não das obras de arte.







Essa foto acima é do G7, a galeria da Adriana Varejão. Uma das minhas favoritas. Recomendo.

Na sala da foto acima, estavam espalhadas diversas caixas de som, cada uma saindo um som diferente, uma voz diferente que juntas formavam um coral. Foi o meu lugar favorito de todos.

Se você gosta de orquídeas visite o Vandário. Lá estão reunidas cerca de 250 (senão me engano) orquídeas do grupo das Vandáceas.

Essa foto acima é uma visão de dentro da foto abaixo, só que sem uma pessoa na outra ponta.


O local é tão grande que você precisa de um mapa. É realmente enorme. Fiquei um dia inteiro e não consegui visitar tudo. Terei que voltar outra vez. Ah! E se prepare para uma boa caminhada porque lá dentro você vai andar bastante.

Mas no fim vale a pena. A paz que eu senti nos jardins foi sensacional e tentar entender o que os artistas quiseram passar com cada obra foi um desafio interessante. Perto de cada atração tem placas explicando tudo. Inclusive os jardins. Cada árvore tem uma placa.

Eu encontrei gringos, esquilos, macacos, flores lindas, lagos com cores hipnotizantes e um pouco assustadores, obras bem interessantes e descobri que estou enferrujada, tenho que voltar a malhar porque no fim do dia eu estava totalmente acabada.

O preço do ingresso varia com o dia e o tempo que o museu fica aberto também.

Eu recomendo MUITO que vocês visitem Inhotim um dia. Sério.  Por enquanto é só o que eu tenho a dizer.

Me desculpem pela falta de posts. Mas eu realmente queria tirar as férias para poder relaxar. A escola está acabando comigo e eu precisava de uns dias para colocar as séries em dia e poder dormir. O blog vai ficar meio abandonado mesmo, mas como é só um hobbie, tudo bem né?!

Beijos e até o próximo post~

Não Para - Ivo Mozart

23/12/2015 Nenhum comentário

Fé e pensamento positivo
Pra alegria ser nossa rotina
Vamos dar todos os motivos
Deixar o coração criar a rima

Nunca deixe entristecer o seu sorriso
Não deixe pra amanhã o que é preciso
Pra acreditar que a vida vale a pena
Mostre sua força, esqueça seus problemas

Sorria mais, transmita paz
Não desista jamais
O mundo não para de girar
Porque você está triste

Aceite o tempo
Tudo tem sua hora
Se ainda não chegou
Não desista agora

Pois só quem acredita
Pode alcançar
Te dou um novo dia
Pra você acreditar

Não para quando a vida disser não
Não para segura a minha mão
Se a gente ficar junto então ta tudo bem
Pode contar comigo pro que der e vier



Finalmente entrei de férias! Vão ser apenas 15 dias e depois as aulas já voltam (temos que repor o tempo perdido durante a greve :P ) e por isso talvez eu não poste muito, porque né gente, apenas 15 dias. Muitas séries para colocar em dia hehehe. Boas festas de fim de ano para vocês!

Beijos e até o próximo post~
20/12/2015 Nenhum comentário
“Que você sinta a validação de sua beleza externa, mas também chegue ao mais profundo objetivo, que é ser bonita por dentro.”
Lupita Nyongo


Saudades da minha antiga eu

14/12/2015 Nenhum comentário

Em certos pontos eu evoluí bastante esse ano e estou muito orgulhosa de mim mesma. Mas em outros pontos eu estou muito decepcionada comigo mesma o que me fez sentir muita falta da minha antiga eu.

Eu estou muito tímida, estou ficando nervosa para falar em público, estou insegura comigo mesma, não tomo mais frente em nada sendo que antigamente eu liderava tudo. Eu estou com saudades da Duda segura de si, que não tinha medo de falar em público, apenas de cantar , mas mesmo assim cantava na frente de toda a escola. Eu não me importava muito com o que os outros iam pensar e me vestia como eu queria. Olhando para trás eu penso “como minha mãe me deixava sair com o cabelo assim” (olhando as fotos hoje eu percebo como meu cabelo era horrível coitado) ou “com essa roupa” ou ainda com uma flor gigante que eu tinha de enfeite e nem sei onde foi parar. Devo ter perdido na mudança, junto com a antiga eu.

Tentei voltar a ser como era antes, mas não é assim tão simples. Não consegui. Acho que não é possível. Quer dizer, possível deve ser, mas bem complicado. Tudo o que eu vivi me fez ser quem sou hoje. Arrependo-me de algumas coisas, mas até gosto um pouco da minha eu atual.
Um pouco só, esse é o problema. Amo a minha antiga eu. Bem organizada, líder, sem tanta timidez, que gostava de si mesma. Queria saber aonde essa menina foi parar, porque aqui não está mais. E olha, ela faz falta viu.
Recentemente tenho sentido falta da minha antiga eu, mas olhando no meu celular achei uma nota escrita lá no começo do ano. Acho que essa saudade não é recente não viu:
Eu mudei. Por que eu mudei? Não sei. Pessoas mudam. Como eu mudei? Também não sei dizer. Só sei que sinto falta da minha antiga eu. Hoje pelo menos. Ontem já não era assim. Eu estava feliz por ser quem eu sou. Agradecendo por ter mudado, feliz por essa mudança, sem saudades. Mas hoje.... A saudade bateu com força. Não sei o porquê dessa saudade. A atual eu é tão maravilhosa quanto a minha “versão antiga”. Eu só sinto falta de quem já fui. Mesmo que eu tente não consigo voltar a ser como era antes. Depois que você muda é difícil (para não dizer impossível) voltar atrás. Talvez eu seja uma mistura da minha antiga eu com a minha atual. Só não consegui mesclar as duas ainda.



Fotos aleatórias (Novembro/2015)

04/12/2015 Nenhum comentário
Novembro foi um mês com muitas festas, e muitaaaaaaa coisa para estudar.


Fui com a minha mãe, meu irmão e uns amigos no circo depois de anos sem ir. É algo realmente mágico né?! Exceto pelos palhaços, não gosto muito deles não, eles me assustam :P





Estou ficando cada vez mais apaixonada em observar o céu. É algo lindo demaaaaaiss da conta! Esse mês me presenteou com um pôr-do-sol mais belo que o outro <3

Fui em uma festa com buffet infantil e fui na piscina de bolinhas. Fazia 5 anos mais ou menos que eu brincava em uma piscina de bolinha haha. É MUITO BOM! Também fui na cama elástica e naquele brinquedo onde você tem que acertar a bolinha no botão para derrubar a pessoa, sabe?!

Minha criança interior ainda está aqui bem viva haha


Venho por meio deste post declarar o meu amor por delineador. ESSA COISA É MARAVILHOSA DEMAIS! Demorou um tempo para aprender a usar sem ficar uma ~verdadeira bosta~ , mas agora está tudo ok, nós já nos entendemos hehehe.
Dá vontade de usar, todo dia, toda hora. Me sinto tão poderosa de delineador >.<

Não tirei fotos das festas, mas esse mês rolou festa de 15 anos (a última do ano, snif) , e também a festa de aniversário da minha mãe. Ah, e teve churrasco com direito à piscina também. Tudo muito bom.

Agora vou voltar para meus estudos porque tenho trabalhos para apresentar e um monte de provas para estudar. Beijos.




 
Desenvolvido por Michelly Melo.