Saudades da minha antiga eu

14/12/2015

Em certos pontos eu evoluí bastante esse ano e estou muito orgulhosa de mim mesma. Mas em outros pontos eu estou muito decepcionada comigo mesma o que me fez sentir muita falta da minha antiga eu.

Eu estou muito tímida, estou ficando nervosa para falar em público, estou insegura comigo mesma, não tomo mais frente em nada sendo que antigamente eu liderava tudo. Eu estou com saudades da Duda segura de si, que não tinha medo de falar em público, apenas de cantar , mas mesmo assim cantava na frente de toda a escola. Eu não me importava muito com o que os outros iam pensar e me vestia como eu queria. Olhando para trás eu penso “como minha mãe me deixava sair com o cabelo assim” (olhando as fotos hoje eu percebo como meu cabelo era horrível coitado) ou “com essa roupa” ou ainda com uma flor gigante que eu tinha de enfeite e nem sei onde foi parar. Devo ter perdido na mudança, junto com a antiga eu.

Tentei voltar a ser como era antes, mas não é assim tão simples. Não consegui. Acho que não é possível. Quer dizer, possível deve ser, mas bem complicado. Tudo o que eu vivi me fez ser quem sou hoje. Arrependo-me de algumas coisas, mas até gosto um pouco da minha eu atual.
Um pouco só, esse é o problema. Amo a minha antiga eu. Bem organizada, líder, sem tanta timidez, que gostava de si mesma. Queria saber aonde essa menina foi parar, porque aqui não está mais. E olha, ela faz falta viu.
Recentemente tenho sentido falta da minha antiga eu, mas olhando no meu celular achei uma nota escrita lá no começo do ano. Acho que essa saudade não é recente não viu:
Eu mudei. Por que eu mudei? Não sei. Pessoas mudam. Como eu mudei? Também não sei dizer. Só sei que sinto falta da minha antiga eu. Hoje pelo menos. Ontem já não era assim. Eu estava feliz por ser quem eu sou. Agradecendo por ter mudado, feliz por essa mudança, sem saudades. Mas hoje.... A saudade bateu com força. Não sei o porquê dessa saudade. A atual eu é tão maravilhosa quanto a minha “versão antiga”. Eu só sinto falta de quem já fui. Mesmo que eu tente não consigo voltar a ser como era antes. Depois que você muda é difícil (para não dizer impossível) voltar atrás. Talvez eu seja uma mistura da minha antiga eu com a minha atual. Só não consegui mesclar as duas ainda.



Nenhum comentário

Postar um comentário

Seja bem vindo (a) ao meu cantinho :)

•Comente o que você achou do post e dê sugestões para os próximos posts :)

Obrigada pela visita e volte sempre!

 
Desenvolvido por Michelly Melo.